segunda-feira, 16 de março de 2009

A SAUDOSA LINA MORGADO

COMEÇOU CEDO NO MUNDO DO ESPECTÁCULO,PRIMEIRO COMO BAILARINA MAIS TARDE DISCIPULA E DEPOIS CHEFE DE QUADRO,NOS ANOS 70 GANHOU O PRÉMIO "BEATRIZ COSTA" .
PASSOU POR TODO O GÉNERO DE TEATRO DESDE A REVISTA AO TEATRO DECLAMADO.
DIZIA E ESCREVIA POESIA COMO SÓ ELA SABIA E CANTAVA,CANTAVA TUDO ATÉ FADO,AQUELA VOZ ROUCA E OLHOS GRANDES DE QUEM TENHO UMA SAUDADE IMENSA.
NAO TEVE UMA VIDA FÁCIL A LINA MAS....TEVE UMA VIDA CHEIA
UM DIA DECIDIU PARTIR DEIXANDO UMA SAUDADE ENTRE AQUELES QUE A AMAVAM.
CONVIVI MUITO COM A LINA,A LINA SABIA ESCUTAR E DAR UM BOM CONSELHO,SABIA DAR CARINHO,SABIA TRANSMITIR-NOS ALGO.
O TEATRO,A TELEVISÃO,O CINEMA E A CANÇAO FICARAM MAIS POBRES COM A SUA AUSENCIA
A NOITE DE LISBOA TORNOU-SE DIFERENTE SEM A PRESENÇA DA "LOUCA" LINA MORGADO,COMO ELA SEMPRE ASSINAVA EM TODAS AS DEDICATÓRIAS QUE ME FEZ E FOTOGRAFIAS QUE ME DEDICOU
UM DIA VAMO-NOS ENCONTRAR E POR CERTO O CÉU NUNCA MAIS SERÁ O MESMO......

2 comentários:

António Manuel disse...

Recordo com saudade a Lina Morgado. Vi-a actuar pela última vez no bar "Noites de Luar". Tal como a maior parte dos artistas deixou-nos há poucos anos quase anonimamente.A cultura é muito maltratada pelos maus governantes deste país!...

José Gonçalves disse...

Sou o filho da Lina, e só hoje tive conhecimento deste seu 'post'.
Agradeço-lhe ter partilhado esta saudade; não é sem orgulho - perdoe-mo, que não é fútil - que confirmei a indelével marca que a minha mãe deixou em todos os que, de alguma forma, lhe foram próximos.
Bem haja! Um abraço,
José Gonçalves